9 surpresas escondidas do Google que você não conhecia

307vi3q

O Goole é conhecido por encher todos os seus produtos e serviços com pequenos segredinhos divertidos. Joguinhos escondidos em menus, animações engraçadas e até referencias à cultura geek aparecem pelos diversos sites da empresa.

Os doodles, aqueles desenhinhos que ilustram a página inicial do buscador, são apenas uma expressão da maneira como a empresa gosta de interagir com quem acessa seus sites e serviços. No entanto, muitas outras existem (algumas das quais levam bastante tempo para aparecer).

Selecionamos abaixo nove dos “Easter Eggs” menos conhecidos do Google, tanto do buscador como de outros sites, serviços e aplicativos da empresa. Confira:

Versão do Android

Praticamente todas as versões do Android têm um Easter Egg diferente, mas que é encontrado no mesmo lugar. Para achá-lo, vá em “Configurações” e, no final do menu, vá em “Sobre o telefone”. Lá, procure o item “Versão do Android” e pressione-o rapidamente diversas vezes. Cada versão tem um segredinho diferente: a Jelly Bean, por exemplo, mostra uma chuva de jujubas. Na Lollipop, aparece um pirulito colorido que muda de cor quando é pressionado. Segure o dedo sobre ele, porém, e o celular inicia uma versão de Flappy Bird com o robozinho do Android.

 

Buscas divertidas no Youtube

Reprodução

Se você acessar o Youtube e pesquisar pela famosa frase do Star Trek, “Beam me up, Scotty”, os resultados da busca aparecerão com um efeito visual diferente, como se estivessem sendo carregados para a Enterprise. Essa não é a única busca que gera efeitos visuais interessantes. Insira no campo de busca do site a frase “do the harlem shake”, aperte enter, espere um pouquinho e conheça a versão do Youtube para o meme famoso inspirado na música.

 

Risadinha do Hangouts

Se você usa o Hangouts para conversar com seus amigos, é possível que você já tenha visto esse Easter Egg sem esperar por ele. Envie uma risada bem comprida para um amigo seu (como hahahahahahahahahahahaha). Quando ele receber a mensagem, o Hangouts enviará alguns animaizinhos fofos para rir com vocês.

 

Pesquisas estranhas no buscador

Reprodução

O buscador do google possui Easter Eggs suficientes para uma lista própria. pesquisar “tilt”, por exemplo, faz com que os resultados apareçam em uma tela entortada. Pesquisar “do a barrel roll” faz com que a tela execute a manobra sugeria por Peppy em Starfox 64. E, na pesquisa de imagens, pesquisar por “Atari Breakout” lançará uma versão jogável do joguinho de Atari com as imagens resultantes.

 

Número do Modelo do Chromecast

Olhando de perto o Chromecast, é possível ver que ele traz a inscrição “Model H2G2-42”. As letras e números podem, a princípio, parecer apenas um código de controle da empresa, mas são na verdade uma referência ao clássico da literatura geek “Guia do Mochileiro das Galáxias”. Em inglês, o livro se chama “Hitchhiker’s Guide to the Galaxy”, ou, em abreviação, HHGG (ou H2G2). O 42, por sua vez, como os fãs do livro sabem, é a resposta para a vida, o universo e tudo mais.

 

Unicórnios no Google Play

Reprodução

A Google Play (a loja digital de aplicativos, livros, filmes e música do Google) também esconde um segredinho divertido. Entre nela, selecione o campo de busca e realize uma busca sem digitar nada (ou digitando apenas espaços). Você verá que, automaticamente, a loja procura por “unicorns” para você (e mostra um número surpreendente de resultados).

 

Bacon Numbers

Reprodução

Esse é um Easter Egg que o Google brasileiro não sabe fazer. Mas o Google do Reino Unido, por exemplo, sabe brincar de Bacon Numbers. Entre nele e pesquise por “Bacon Number” seguido do nome de um ator famoso (“Bacon Number Nicolas Cage”, por exemplo) e o primeiro resultado da busca será o Bacon Number do ator pesquisado.

O Bacon Number de uma pessoa é o número de graus que a separam do Kevin Bacon. O Brad Pitt, por exemplo, tem Bacon Number de 1, pois atuou com o Kevin Bacon em “Sleepers”. A Angelina Jolie, por sua vez, tem Bacon Number de 2, pois atuou com o brad Pitt em “Sr.e Sra. Smith” e o Brad Pitt atuou com o Kevin Bacon em “Sleepers”, e por aí vai. A Xuxa, por exemplo, tem um Bacon Number de 3. A Suzana Vieira também.

 

Google em 1998

Reprodução

Outra que o Google brasileiro ainda não sabe fazer. Acesse o Google do Reino Unido, procure por “Google in 1998” e aperte enter. Os resultados aparecerão na diagramação antiquada que o site do Google tinha nesse ano. Hoje em dia, o design do site em 1998 parece bem feio, mas felizmente o Google oferece um botão “Take Me Back to the Present” (Me leve de volta ao presente) para quando você cansar do visual.

 

Konami Code

Reprodução

Nos anos 80, todos os jogos da Konami tinham o mesmo código secreto: cima cima baixo baixo esquerda direita esquerda direita B A Start. Em Contra, por exemplo, esse código te dava 30 vidas. De tanto aparecer, ele ficou conhecido como o “Konami Code”. Se você abrir o aplicativo Google Play Games e começar a inserir o código fazendo as direções com o dedo), ao chegar na parte do “B A Start” o aplicativo lhe oferecerá um pequeno teclado. Termine o código e você desbloqueará a conquista “All Your Game Are Belong to Us”.

 

Veja como o Google testa as telas dos smartphones

20150629110120_660_420

Antes de colocar os produtos no mercado, as empresas precisam cumprir protocolos de testes incansáveis. Um vídeo publicado no Google+ revela um destes processos e mostra como o Google testa o tempo de resposta nas telas dos aparelhos com Android e Chrome OS.

A avaliação é feita por um robô, que dá toques sucessivos nos smartphones para analisar a latência da interface. Afinal, não há nada mais irritante que ativar um comando na tela que não é reconhecido… O vídeo foi postado por um engenheiro do Google na França. Assista:

Gmail finalmente promove recurso que permite cancelar e-mail enviado

dbac2cbcb9ff6c99025d240d0786f22c

Seis anos depois de surgir como experimento no Gmail, o recurso que desfaz o envio de e-mails finalmente foi promovido pelo Google.

A funcionalidade existe desde março de 2009, quando foi lançada no Labs, laboratório de recursos experimentais do Gmail. Na última segunda-feira, 22, porém, o Google anunciouque o cancelamento agora faz parte nativa do seu serviço de e-mail.

Para configurá-lo, basta acessar as configurações do Gmail e procurar por “Cancelar envio”. Lá é possível informar o período de cancelamento em segundos.

Google quer pagar a quem encontrar falhas de segurança no Android

htc-s-off-android-security

Já é uma tradição do Google: a empresa costuma lançar programas de recompensas que pagam milhares de dólares a especialistas que encontram falhas de segurança em seus produtos. Agora é a vez da empresa abrir essa possibilidade também para o Android.

No ano passado, a empresa pagou mais de US$ 1,5 milhões a pesquisadores. Agora a companhia lançou o Android Security Program, que pagará por cada etapa requerida para corrigir uma falha de segurança, incluindo correções, testes e vulnerabilidades afetando os aparelhos Nexus vendidos no Google Play fora do Brasil.

Assim, isso engloba apenas o smartphone Nexus 6 e o tablete Nexus 9, de forma que o Google considera a linha “a primeira grande linha de dispositivos móveis a oferecer um programa de recompensa por vulnerabilidades”. No entanto, o Google diz que todo o ecossistema Android deve se beneficiar do programa.

A empresa diz que além de pagar pelas vulnerabilidades encontradas, também oferecerá uma recompensa especialmente maior para os pesquisadores que investirem seu tempo testando e desenvolvendo as correções que farão o ecossistema inteiro mais forte.

Quem quiser ganhar a recompensa máxima, no entanto, terá que encontrar as falhas mais profundas. O Google diz que o Android possui várias camadas de segurança, então o valor máximo será pago a quem burlar os recursos de segurança da plataforma, como ASLR, NX e o “sandboxing”, criados para evitar abusos e proteger usuários.

O Android Security Program deve apenas complementar outros programas de segurança, que continuarão existindo normalmente. Inclusive, o Android continuará participando do Patch Rewards Program, que recompensa as contribuições para segurança de projetos de código aberto do Google, entre os quais está seu sistema operacional móvel.

Google promete acelerar navegação móvel no Brasil

google-internet-movel

O Google anunciou hoje que fará uma mudança na forma como os sites móveis se comunicam com seu buscador para acelerar o acesso dos brasileiros.

De acordo com a empresa, dentro de duas semanas será lançada uma ferramenta por aqui que é capaz de melhorar as coisas para quem usa internet por um celular Android e tem internet lenta.

Ao acessar algum site através do buscador, o internauta perceberá que as páginas carregarão mais rapidamente e com menos consumo de dados.

“Ainda é cedo, mas nosso teste na Indonésia nos mostrou que essas novas páginas, mais leves, carregam quatro vezes mais rápido e usam 80% menos dados do que antes. O tráfego nessas páginas aumentou mais de 50%”, conta o Google, que ressalta: “Se o usuário preferir a página original, é claro, bastará que ele opte, no topo do navegador.”

Google desenvolve radar que permite controlar dispositivos sem toque. Veja

soli00

Em sua conferência para desenvolvedores, o Google anunciou uma série de novidades, como o Projeto Soli, tecnologia capaz de ler e reconhecer gestos realizados pelas mãos do usuário. A novidade está sendo desenvolvida pelo Google ATAP, responsável por projetos como o do smartphone modular Ara.

Google

Agora, a empresa divulgou um vídeo que explica melhor como funciona a novidade, que consiste em um pequeno chip que pode ser inserido em dispositivos como smartphones e PCs. Com o Soli é possível, por exemplo, girar um botão, aumentar o volume de uma faixa e tocar determinadas áreas da tela. Confira:

Saiba qual é o easter egg do Android M

20150529114015_660_420

Desde o lançamento da versão 2.3 Gingerbread do Android, o Google “esconde” imagens relacionadas à versão que roda o software no próprio sistema. Versões como o biscoito de gengibre que parecia um monstro, o avo de mel, jujubas e um sanduíche de sorvete ficaram bastante famosas entre os usuários.

Reprodução

Com o lançamento de uma nova versão do sistema operacional surge a curiosidade de como será o próximo easter egg do Google. Mas, ao que tudo indica, a brincadeira não será tão legal dessa vez.

Testando a pré-visualização do Android M em um Nexus 6, o site TheVerge  foi procurar a imagem escondida nas informações da versão do sistema. Veja o que aconteceu:

Android M Shruggie

 

Google divulga novidades de seu sistema para relógios

20150528140813_660_420

O Android Wear será atualizado para ficar mais inteligente e eficiente.

Uma das principais mudanças é que o sistema poderá manter as informações na tela do relógio em um modo em preto e branco para economizar energia. Isso pode ser usado para ver as horas, mapas, lista de compras etc.

Reprodução

Será possível desenhar emoticons com o dedo na tela e haverá um sistema de reconhecimento de movimentos que permite trocar cards do Google Now e notificações chacoalhando o pulso.

Segundo informou o Google nesta quinta-feira, 28, existem atualmente mais de 4 mil aplicativos para Android Wear.

Google confirma: botão “Comprar” vai chegar em breve

google-shopping

O diretor de negócios do Google Omid Kordestani confirmou que a empresa vai adicionar o botão “Comprar” em seus resultados na página de pesquisas. “O botão é iminente”, explicou o executivo, o que significa que ele será adicionado logo.

A novidade deve ajudar a tornar a navegação mais prática. Com a ferramenta, o usuário não precisará sair da página para comprar itens. Rumores apontam que a medida é uma tentativa do Google de retomar a soberania na área de pesquisa de produtos, aonde vem perdendo espaço para a Amazon.

Kordestani não revelou se a funcionalidade estará disponível apenas em dispositivos móveis ou também na versão web.

Recurso do Google que “adivinha” perguntas chega ao celular

AAEAAQAAAAAAAAKhAAAAJGEwYzIxMTI4LThiMzEtNDg5OC1hYzQ4LTQ2MTE5Njk4OWNiMQ

Uma atualização da pesquisa móvel do Google está trazendo o recurso de resultados instantâneos para as buscas, que responde às perguntas do usuário antes de ele terminar de digitá-las. A ferramenta, disponível há algum tempo para a versão do buscador na web, chega agora aos celulares.

Por enquanto, a novidade está disponível apenas para alguns usuários do Chrome e do app do Google para Android e iOS. Veja como ela funciona:

Reprodução